ico face topo    ico youtube topo    ico twitter topo    ico instagram topo    ico snap topo

Entre os dias 04 e 09 de setembro foi realizada a 40º Edição do Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom), em Curitiba, com o tema “Comunicação, memórias e historicidades”. O evento reuniu mais de 3.000 mil estudantes de diversas IES de todo o Brasil, que participaram de palestras, oficinas e minicursos.

O UNICURITIBA foi representado por estudantes do Curso de Publicidade e Propaganda. Os alunos Ana Marcelina Moraes da Cruz, Guilherme Rafael Bueno Alves, Gabriel Henrique de Medeiros Stange, José Guilherme Pamplona, Marcus Vinicius de Oliveira Alves e Wesley Rezende conquistaram o primeiro lugar do Expocom – Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação, na categoria Ficção em Vídeo – Telenovela, Séries Televisivas e afins, com a Websérie Inquietos.

O trabalho foi desenvolvido no segundo semestre de 2016, na disciplina Laboratório Gráfico de Criação. Os estudantes foram orientados pelos professores Fernanda Bogoni, Haroldo Capote Filho e Jani Mendonça.

Já na categoria Intercom Jr., destinada a produção de artigos acadêmicos, a aluna Karoline de Souza Ribeiro apresentou um trabalho produzido em coautoria com a Profª Eliane Basílio de Oliveira, com o tema “A Representação Lésbica na Publicidade.”. O trabalho é parte de sua monografia que está sendo desenvolvida e será apresentada no fim do semestre.

Vale lembrar que no mês de junho de 2017, os alunos já haviam participado do Intercom Sul, na cidade de Caxias do Sul, RS. Ao todo foram apresentados seis trabalhos, e três foram selecionados para o congresso nacional.

O Prof. Fabiano Pucci do Nascimento, coordenador do Curso de Publicidade e Propaganda do UNICURITIBA, ressalta: “Essa conquista é fruto de um trabalho em equipe que acredita e exercita o poder transformador da comunicação. Agradeço o apoio e empenho de todos.”

O aluno José Guilherme Pamplona, conta: “Desde o princípio acreditei que tínhamos chances de vencer devido a dedicação de todos em fazer o melhor trabalho, mas quando o resultado saiu, foi uma surpresa muito grande. Ficamos bem felizes e, acima de tudo, muito gratos pela oportunidade e pelo reconhecimento.”

Já a aluna Ana Marcelina Moraes da Cruz, afirma: “Foi uma das melhores sensações que já senti. O melhor de tudo é que nós somos de períodos diferentes, então são vários talentos, cada um na sua especialidade, reunidos em um só grupo. O resultado foi esse: ser o melhor do Brasil.”